A HISTÓRIA DO VINHO BRUNELLO

11 dezembro, 2021

A HISTÓRIA DO VINHO BRUNELLO

 

Créditos: Podere Brizio

Após um experimento familiar em uma pequena vinícola italiana, nasce um dos mais renomados vinhos do mundo: o Brunello.

No topo de uma colina acentuadamente crescente na Toscana, cerca de 30 milhas ao sul da cidade de Siena, Itália, crescem as uvas Sangiovese cultivadas por residentes da pacata cidade de Montalcino. Essas uvas famosas são usadas na produção de um dos vinhos gourmet mais renomados da Itália, Brunello di Montalcino, cuja fama e o sabor se comparam a outros gigantes renomados como o Chianti e o Vino Nobile di Montepulciano.

ORIGEM: Brunello significa "pequenino escuro", e as uvas Sangiovese são a versão com frutos grandes das delícias escuras e frutadas que crescem tão bem na região. Embora os vinhos tintos estivessem sendo formulados nesta área já no século 14, as atuais variedades de Brunello não apareceram até depois de 1870, quando as províncias italianas foram unificadas em uma única entidade política.

O RESPONSÁVEL: Brunello di Montalcino surgiu em grande parte graças aos esforços de Ferruccio Biondo Santi, que se tornou administrador da propriedade de seu avô e desenvolveu técnicas de vinificação nunca antes vistas em qualquer lugar da Europa. Ele fez questão de separar as uvas Sangiovese de todas as outras variedades e criou o vinho Brunello di Montalcino exclusivamente a partir dessas uvas. Ele também cortou o tradicional processo de segunda fermentação e, em seguida, envelheceu seus vinhos gourmet em barris de madeira, para realçar naturalmente seu sabor.

TÉCNICAS: Suas técnicas logo desencadearam uma onda de imitação no ramo vitivinícola, e tornou-se comum que uvas tão puras fossem isoladas para a produção de vinhos gourmet. Biondo Santi é homenageado hoje em uma das melhores propriedades de Montalcino, onde Brunello di Montalcino ainda é produzido usando os mesmos métodos que ele idealizou há quase 150 anos.

 O CRESCIMENTO: No final da Segunda Guerra Mundial, Brunello di Montalcino alcançou ampla popularidade, embora documentos oficiais do governo deem evidências de apenas quatro safras até então, 1888, 1891, 1925 e 1945. Todos eles foram fabricados no Biondo A propriedade Santi, e com a crescente fama da safra, vários outros produtores surgiram rapidamente, de modo que em meados da década de 1960 havia uma dúzia de produtores de Brunello.

Atualmente, existem mais de 200 pequenos produtores e operações familiares que produzem este vinho tinto frutado, de alto tanino, terroso e de alta qualidade com a classificação DOCG mais alta da Itália. E para conhecer a nossa seleção daquele país, com alguns dos melhores rótulos, basta clicar aqui.

 

 

 




Deixe um comentário

Os comentários serão aprovados antes de serem exibidos.


Ver artigo completo

VILA SANTA: A VINÍCOLA DE JOÃO PORTUGAL RAMOS
VILA SANTA: A VINÍCOLA DE JOÃO PORTUGAL RAMOS

20 junho, 2022

Conheça a vinícola de João Portugal Ramos, um dos enólogos mais famosos de Portugal.

Ver artigo completo

UM DOS BERÇOS MAIS IMPORTANTES DO VINHO: CONHEÇA ALENTEJO EM PORTUGAL
UM DOS BERÇOS MAIS IMPORTANTES DO VINHO: CONHEÇA ALENTEJO EM PORTUGAL

20 junho, 2022

As terras de Alentejo, podem ser consideradas como um dos berços da cultura vinícola. É longa e ampla a trajetória deste lugar que viveu momentos turbulentos e incertos, seguidos de eras de otimismo e inovação. A seguir, vamos conhecer um pouco mais sobre esta região e entender sua ligação com o vinho.

Ver artigo completo

JOÃO PORTUGUAL RAMOS: O ENÓLOGO QUE LEVA O NOME E O SABOR DOS VINHOS PORTUGUESES PARA O MUNDO
JOÃO PORTUGUAL RAMOS: O ENÓLOGO QUE LEVA O NOME E O SABOR DOS VINHOS PORTUGUESES PARA O MUNDO

14 junho, 2022

Ver artigo completo