A ORIGEM DO VINHO URUGUAIO

12 fevereiro, 2021

A ORIGEM DO VINHO URUGUAIO

Créditos: Flickr

O vinho uruguaio seguiu muitas das mesmas tendências de seus irmãos sul-americanos, além de começar a produção de vinho um pouco mais tarde do que o resto do continente, mas isso não quer dizer nada, uma vez que seu solo é um dos melhores do continente e o país também se consagra como um dos quatro maiores produtores de toda a América Latina. A seguir, você conhece um pouco mais sobre a origem do vinho no Uruguai.

O INÍCIO: A produção de vinho no Uruguai começou no início do século 18 com influências da Espanha – uma vez que os espanhóis foram os primeiros a desbravar sua terra para este tipo de fim. No entanto, a produção comercial de vinho começou oficialmente no ano de 1870 depois que as influências francesas introduziram a Tannet (de longe, a uva mais importante do Uruguai) junto com outras.

ANOS 70: Na década de 1970 a indústria vinícola uruguaia voltou seu foco para a produção de vinhos mais finos e de maior qualidade. Desde 1988 o Instituto Nacional de Vitivinicultura (INAVI) trabalha com os produtores estatais para modernizar a indústria e ajudar nos planos econômicos que, em pouco mais de 35 anos, conseguiu ajudar o país a desenvolver a sua viticultura como poucos no mundo.

ATUALMENTE: Hoje, o Uruguai é reconhecido como uma potência do vinho sul-americano, apesar de seu tamanho pequeno, principalmente devido à sua alta qualidade. A produção de vinho do Uruguai está dentro de 10.000 hectares de vinhedos operados por aproximadamente 270 vinícolas - a maioria administrada por pequenas famílias com longa história no setor. A região de maior produção está localizada ao norte da capital, em uma área chamada Canelones, onde o Uruguai tem 60% de sua produção de vinho.

VARIEDADE DE UVAS E CLIMA: A variedade de uvas produzidas é resultado do clima do Uruguai e Tannet, Cabernet Sauvignon, Sauvignon Blanc, Chardonnay e Viognier são alguns dos vinhos mais bem elaborados, produzidos nos vinhedos daquele país. As vinícolas do Uruguai desfrutam de sol mais de 220 dias por ano, e a costa atlântica mantém os vinhedos bem ventilados. O clima subtropical é semelhante ao de Bordeaux, França, e as condições do solo e o controle de qualidade são monitorados de perto.

RENOMADO MUNDIALMENTE: Com vinícolas praticamente na mesma latitude que os cinturões de vinho do Chile e da Argentina, o Uruguai desfruta de um clima semelhante, bem como do mesmo sucesso que seus vizinhos. As exportações do Uruguai são para outros países da América Latina, bem como para a Europa e para regiões específicas dos Estados Unidos. Seu foco na qualidade e no alto padrão fizeram do Uruguai um nome importante no mundo do vinho.

O Uruguai, apesar de pequeno, é um país extremamente encantador e possui uma indústria  vinícola de dar inveja a muitos países do velho mundo! 

Acesse nossa sessão exclusiva do Uruguai (clicar aqui) caso tenha vontade de conhecer mais...




Deixe um comentário

Os comentários serão aprovados antes de serem exibidos.


Ver artigo completo

VILA SANTA: A VINÍCOLA DE JOÃO PORTUGAL RAMOS
VILA SANTA: A VINÍCOLA DE JOÃO PORTUGAL RAMOS

20 junho, 2022

Conheça a vinícola de João Portugal Ramos, um dos enólogos mais famosos de Portugal.

Ver artigo completo

UM DOS BERÇOS MAIS IMPORTANTES DO VINHO: CONHEÇA ALENTEJO EM PORTUGAL
UM DOS BERÇOS MAIS IMPORTANTES DO VINHO: CONHEÇA ALENTEJO EM PORTUGAL

20 junho, 2022

As terras de Alentejo, podem ser consideradas como um dos berços da cultura vinícola. É longa e ampla a trajetória deste lugar que viveu momentos turbulentos e incertos, seguidos de eras de otimismo e inovação. A seguir, vamos conhecer um pouco mais sobre esta região e entender sua ligação com o vinho.

Ver artigo completo

JOÃO PORTUGUAL RAMOS: O ENÓLOGO QUE LEVA O NOME E O SABOR DOS VINHOS PORTUGUESES PARA O MUNDO
JOÃO PORTUGUAL RAMOS: O ENÓLOGO QUE LEVA O NOME E O SABOR DOS VINHOS PORTUGUESES PARA O MUNDO

14 junho, 2022

Ver artigo completo