A PRODUÇÃO DE UVAS NO ESTADO DO TEXAS

30 julho, 2019 1 Comentário

A PRODUÇÃO DE UVAS NO ESTADO DO TEXAS

A PRODUÇÃO DE UVAS NO ESTADO DO TEXAS

Embora o estado do Texas não seja muito citado quando o assunto é vinho, ele é o terceiro maior produtor de uvas do país! Ali as uvas cresceram naturalmente ao longo de rios e riachos por milhares de anos e muitas uvas geneticamente únicas foram identificadas como nativas da região.

Basta visitar o estado para perceber quão abundantes são as uvas ali. A maior parte do Texas tem como plano de fundo videiras nativas. Estas espécies nativas desempenharam um papel importante no fornecimento de resistência genética para porta-enxertos de uva utilizados em todo o mundo. Porém, embora a produção de uvas seja um sucesso no estado, o cultivo de vinho era muito difícil por ali.

Por inúmeros problemas climáticos e com pragas, a indústria vinícola do Texas só começou em escala comercial no final dos anos 70. Com uma grande revolução do vinho acontecendo em todo o mundo, vinhedos foram plantados em diversas partes dos Estados Unidos, inclusive no Texas. Por volta de 1975, as áreas de interesse se desenvolveram em Lubbock, Fredericksburg, Fort Worth e Fort Stockton e continuam até hoje abrigando grandes vinícolas.

 

A área de Lubbock se desenvolveu como maior produtora de uvas do Texas. A região é privilegiada porque é livre de diversos empecilhos para cultivo e possui o melhor solo do mundo. Além disso, lá as noites são frescas, o que ajuda muito a aumentar a qualidade dos frutos. As uvas cultivadas ali são a Riesling e Chardonnay, ao norte de Plainview, e Sauvignon Blanc e Zinfandel ligeiramente ao norte de Lubbock. Cabernet Sauvignon, Merlot, Chenin Blanc e Muscat Canelli são cultivadas ao sul de Lubbock.

 

No extremo-oeste do estado, o vinhedo Genevieve de 1.000 acres, pertencente ao Departamento de Terras da Universidade do Texas, domina a área. A Sauvignon Blanc, Chardonnay, Chenin Blanc, Ruby Cabernet e a Zinfandel geram grandes produções de frutas de alta qualidade. O clima seco, solo fértil e os invernos suaves são positivos para a área. A produção é muito boa, possui um crescimento vigoroso da videira e as uvas geram excelentes vinhos.

 

A região montanhosa, ao norte de Fredericksburg para San Saba, é repleta de colinas de calcário e riachos imaculados.Com aproximadamente 600 acres de vinhedos, possui excelente solo e clima. O local se tornou uma região popular quando se trata de vinícolas, mas uma curiosidade é que Hill Country também é muito conhecido pela produção de pêssegos!

 

Já em Madeira West Cross, região centro-norte do Texas, existem aproximadamente 250 acres de uvas com um grande número de vinhedos e vinícolas menores. O clima é tipicamente seco e a área tem uma grande variedade de solos, sendo alguns profundos e bem drenados, excelentes para a produção de uvas.  Existem seis tipos básicos de uvas cultivadas no Texas, mas indústria do vinho ali é 99% Vitis vinifera. Estas são as uvas de vinho clássicas da Europa, que também são cultivadas na Califórnia, e todas as outras grandes regiões vinícolas do mundo.  Antes da nova indústria do vinho do Texas, a maioria dos vinhedos eram pequenos e para uso doméstico ou local. Eles plantavam uvas americanas resistentes ao frio, doenças e insetos. Isso incluiu centenas de variedades, no entanto, as mais comuns eram as Munson; Beacon, Carman, Champanel e Ellen Scott, Cynthiana do Arkansas, Vitis Bourquiniana, LeNoir, Hebemont e Favorite. Atualmente, com o aumento da tecnologia e a chegada de novas técnicas, as plantações do Texas expandiram e não ficam mais a mercê das dificuldades locais. Quem diria que um estado onde existia tantos impedimentos se tornaria o terceiro maior produtor de uvas do país? E nós comemoramos essa evolução, pois certamente muitos dos vinhos americanos que apreciamos, são feitos com uvas diretamente do Texas!  

 

Credito a publicações de Jancis Robinson. 

 




1 Resposta

Ricardo
Ricardo

07 julho, 2020

Excelente! Continuem colocando boas informações de coisas nem sempre conhecidas. Sugestão: quais são os vinhos dessas regiões pouco conhecidas e onde encontrá-los poderia também gerar interesse. Obr, Ricardo

Deixe um comentário

Os comentários serão aprovados antes de serem exibidos.


Ver artigo completo

AS MELHORES VINÍCOLAS PARA SE CONHECER NA SICÍLIA
AS MELHORES VINÍCOLAS PARA SE CONHECER NA SICÍLIA

17 maio, 2022

A Sicília é a maior ilha da Itália e por lá cerca de 450 vinícolas estão espalhadas por 23 regiões vinícolas reconhecidas, inclusive nas ilhas vizinhas Eólias e Egadi. O enoturismo é um grande impulsionador do mercado na Sicília, pois os enófilos viajam para descobrir os melhores vinhos sicilianos e as vinícolas mais características. Embora seja difícil restringir a lista, aqui estão nossas principais escolhas para as melhores vinícolas da Sicília, escolhidas por sua diversidade geográfica, facilidade de acesso, hospitalidade e qualidade. Vale lembrar que esta lista conta com locais que precisam de reserva prévia, ou seja, nada de visitar sem agendar.

Ver artigo completo

A SICÍLIA E A MAIOR PRODUÇÃO DE SYRAH DA ITÁLIA
A SICÍLIA E A MAIOR PRODUÇÃO DE SYRAH DA ITÁLIA

17 maio, 2022

Conhecida como Syrah na maioria dos países ao redor do mundo, essa variedade de uva provou ao longo dos séculos ser uma das uvas de vinho tinto mais poderosas e saborosas que existem. Hoje é uma das uvas mais cultivadas do planeta e é a preferida das vinícolas por sua robustez e versatilidade.

Ver artigo completo

EXPLORANDO OS VINHOS DE CADA REGIÃO DA SICÍLIA
EXPLORANDO OS VINHOS DE CADA REGIÃO DA SICÍLIA

10 maio, 2022

A Sicília é uma das regiões vinícolas mais interessantes da Europa, graças ao seu sol forte, às vinhas nativas e aos diferentes terroirs. Do ponto de vista geográfico e vitícola, a Sicília pode ser dividida em quatro macroáreas: leste, centro-oeste e ilhas Pantelleria e Favignana. E para explorar os sabores de cada uma destas áreas, preparamos um artigo completo para você conhecer. Confira a seguir.

Ver artigo completo