A ROTA DO VINHO DE PIEMONTE

05 março, 2019

A ROTA DO VINHO DE PIEMONTE

Hoje, vamos falar aqui sobre a região de Piemonte na Itália, conhecida por seus vinhos e suas trufas. Os vinhos mais famosos da região são o Barolo e o Barbaresco, mas existem muitos outros incríveis que vale a pena provar e desfrutar, como os Barbera, Freisa, Gattinara, Fara, Grignolino, Dolcetto, Ghemme.

Os vinhos Barolo e Barbaresco são provenientes da uva Nebbiolo. Enquanto o Barbaresco é mais leve, o Barolo é mais concentrado. O tempo de envelhecimento deles e teor alcóolico também são diferentes.

A região de Piemonte pode não ser tão estratégica para ser visitada em baixa temporada. Algumas vinícolas chegam a ficar cobertas de neves no inverno e muitas das principais atrações turísticas das cidades abrem apenas no verão por conta da alta temporada. Fora dela você provavelmente não conseguirá desfrutá-la em sua totalidade.

 Ao longo desse post, além de mostrar as cidades chaves para conhecer e suas melhores vinícolas, também vamos dar outras dicas para que sua viagem saia da melhor maneira possível! Mas vamos ao que interessa, confira nossa seleção sobre a região de Piemonte!

BAROLO 

Nada melhor do que começar falando da comuna italiana que dá o nome a um dos vinhos mais famosos da região. A cidade fica a 1 hora ao sul de Turim e é bem pequena, ela possui vilas charmosas, um castelo, belas paisagens, uma culinária incrível e é claro, muito vinho!

Lá também é possível visitar o Castello Falletti, o qual acredita-se que foi construído no século 10. Dentro dele fica o Museo del Vino – Wi-Mu, dedicado à história da vinificação da região e o topo do Castelo tem uma vista maravilhosa!

Ainda dentro do Castelo, fica a Enoteca Regionale (adega e sala de degustação).  você pode experimentar o vinho das onze zonas de Barolo DOCG e aprender mais detalhes sobre a região.

Dentre as vinícolas da cidade, você não pode deixar de visitar a VIETTI. Recentemente um de seus Barolos, o Riserva Villero 2007, conquistou 100 pontos da Wine Advocate/Robert Parker, que é um dos mais importantes críticos de vinhos do mundo. Apenas 3 vinícolas de Piemonte alcançaram essa pontuação, e Vietti é uma delas.

 

BARBARESCO

Agora vamos falar da comuna italiana Barbaresco, também localizada na província de Cuneo. Ela menor que Barolo, é uma vila de praticamente uma rua. Lá existem poucas opções turísticas, mas nem por isso menos importantes. O restaurante Antinè serve especialidades regionais e vale a pena ser visitado. Logo ao lado tem a Vineria dell’Enoteca, uma casinha onde é possível encontrar uma ótima seleção de vinhos vendidos em taça, para acompanhar são servidos queijos, embutidos e grissini. Lá também tem uma boa oferta de garrafas à venda, com safras mais antigas e exemplares raros, além de vários souveniers. Ali perto também está a  Enoteca Regionale del Barbaresco, que reúne diversos produtores. É um bom lugar para procurar informações sobre as vinícolas, comprar vinhos e ainda provar alguns dos rótulos vendidos em taça.

Essa comuna é incrível pra quem deseja ver mais de perto como é a vida dos habitantes da região e conhecer o lado menos turístico de Piemonte.

Dica extra: Se você for visitar a região de Piemonte, procure alugar um carro! As cidades são próximas e o trajeto é simples. Vale muito mais a pena do que utilizar outros meios de transporte.

Espero que vocês tenham gostado do post de hoje! Lembrem-se que não é necessário ir até a Itália para provar um delicioso Barolo, você pode adquirir o seu no nosso site agora mesmo!

 

 

 

 

 

 

 

 




Deixe um comentário

Os comentários serão aprovados antes de serem exibidos.


Ver artigo completo

A HISTÓRIA DA UVA GARNACHA
A HISTÓRIA DA UVA GARNACHA

16 julho, 2021

A Garnacha é uma uva de vinho tinto cultivada extensivamente na França, Espanha, Austrália e Estados Unidos. É particularmente versátil tanto na vinha como na adega, o que pode explicar porque é uma das uvas mais utilizadas na produção de blends do mundo inteiro. E para saber mais sobre este sabor inconfundível, fomos atrás de conhecer a história desta que é uma das uvas do velho mundo mais utilizada na produção de excelentes vinhos. Confira a seguir, tudo o que descobrimos sobre a Garnacha.

Ver artigo completo

A HISTÓRIA VINÍCOLA DA ESPANHA
A HISTÓRIA VINÍCOLA DA ESPANHA

15 julho, 2021

A Espanha é uma terra de paisagens deslumbrantes, história rica e uma cultura profunda e complexa na qual o vinho há muito desempenha um papel importante. As videiras são cultivadas na Península Ibérica desde pelo menos 3.000 a.c., embora não tenha sido antes de 1.000 a.c. que a vinificação começou a ser feita no país - uma habilidade trazida por comerciantes fenícios do Mediterrâneo oriental. Hoje, a Espanha é o lar de mais vinhas do que qualquer outro país do planeta e tem uma produção nacional de vinho superada apenas pela França e pela Itália.

Ver artigo completo

DESCOBRINDO A ESPANHA: OS VINHOS DE TORO!
DESCOBRINDO A ESPANHA: OS VINHOS DE TORO!

10 julho, 2021

Toro é uma região vinícola de Castela e Leão, no noroeste da Espanha, e está se tornando cada vez mais conhecida por seus vinhos tintos poderosos e encorpados feitos de Tina da Toro (Tempranillo). Em Toro também são feitas pequenas quantidades de vinho branco. Seu nome vem da cidade de Toro, um antigo assentamento a apenas 65 quilômetros a leste da fronteira portuguesa. Toro está localizado no rio Douro, que corta a metade norte da região e por este pedaço encantador e surpreendente da Espanha que iremos passear hoje. Neste artigo, vamos desvendar todos os segredos de Toro para você e conhecer mais sobre esta região tão famosa por seus vinhos.

Ver artigo completo