A vinícola Antinori nel Chianti Clássico e os seus encantos

19 Março, 2019

A vinícola Antinori nel Chianti Clássico e os seus encantos

Destoando da maioria das vinícolas que conhecemos, ela possui uma arquitetura super moderna, mas sem perder o tradicionalismo.

A vinícola em si é consideravelmente nova, foi inaugurada em 2013 e levou 7 anos para ser construída. Em contrapartida, ela pertence a família Antinori, um dos sobrenomes mais conhecidos do mundo quando o assunto é vinho. A família se dedica a produção de vinhos há mais de 600 anos! O Brasil nem tinha sido descoberto, mas os Antinoris já estavam a todo vapor transformando uva em vinho!

O projeto da Antinori, foi criado pelo arquiteto florentino Marco Casamonti. A obra custou mais de 80 milhões de euros e foi construída com matérias-primas da região como terracota, concreto, madeira, ferro, vidro para abrigar tanques de fermentação, barricas de carvalho, obras de arte, além do vinho.

Ao visitá-la, é possível aprender as etapas de produção de vinhos, participar de degustações, fazer uma visita guiada nas adegas e também pode aproveitar para almoçar no restaurante Rinuccio 1180, localizado no último andar do edifício, possuindo uma vista deslumbrante e uma comida maravilhosa! Para encerrar, você pode visitar o museu da família Antinori e entender mais profundamente sua história com a produção de vinhos, além de apreciar as obras de arte contemporânea (obras de Yona Friedman, Dijean-Baptiste Decavèle e Rosa Barba) existentes no acervo.

Além disso, a vinícola ainda possui um auditório para espetáculos e conferências, uma loja, e duas salas de degustação suspensas.

Entre os vinhos produzidos lá, o nosso preferido é o Villa Antinori Chianti Classico (inclusive dá para comprar ele aqui no nosso site)!

Mas, já que falamos de Antinori, sabemos que essa vinícola incrível não é a única da família e que existem uma infinidade de vinhos produzidos por eles!

Pensando nisso, de bônus selecionamos 3 vinhos Antinori que se você nunca provou, precisa provar!

 

VILLA ANTINORI - PIAN DELLE BRUNELLO DI MONTALCINO, DOCG, ITALIA 2012

 

Este vinho, 100% Sangiovese, é um dos Brunellos mais importantes do mercado e, sem dúvida, um dos mais apreciados. No nariz, o Pian Delle Vigne apresenta aroma amplo e com notas de especiarias, frutas vermelhas e toque de tabaco e cacau. Na boca, intenso, equilibrado, com final longo e persistente. 100% feito com a uva Sangiovese, produzido em Montalcino, Toscana.

VILLA ANTINORI - PIAN DELLE VIGNE ROSSO DI MONTALCINO, ITALIA 2015

Este Rosso di Montalcino, 100% Brunello (Sangiovese grosso), é um dos vinhos mais típicos da região. Produzido pela primeira vez em 1995, Pian delle Vigne é um dos Brunellos mais importantes do mercado e, sem dúvida, um dos mais apreciados. 

VILLA ANTINORI - TIGNANELLO, TOSCANA, ITALIA 2015

Tignanello é um supertoscano composto por Sangiovese e um pouco de Cabernet Sauvignon e Cab Franc. Este blend lhe dá potência e estrutura. Tignanello é um vinho que pode ser consumido jovem, mas se guardado por alguns anos fica ainda melhor!

Esperamos que vocês desfrutem das indicações! E você que já visitou a vinícola Antinori nel Chianti Classico, o que achou? Conta pra gente sua experiência nos comentários!

 

 

 

 

 




Deixe um comentário

Os comentários serão aprovados antes de serem exibidos.


Ver artigo completo

Califórnia: Conhecendo a região vinícola de Lodi
Califórnia: Conhecendo a região vinícola de Lodi

08 Novembro, 2019

Ver artigo completo

Os brancos franceses: A tradição do Chablis
Os brancos franceses: A tradição do Chablis

31 Outubro, 2019

Os brancos franceses: A tradição do Chablis

O Chablis é o vinho branco mais conhecido ao redor do mundo. Seu nome ecoa pela memória e pelo paladar dos apaixonados pela bebida por diversos motivos. Este branco francês é um clássico, imponente e charmoso, seco e delicioso, a parceria perfeita para ostras frescas. Por outro lado, o nome Chablis também se tornou conhecido por ser um dos vinhos que mais inspira enólogos ao redor do mundo. Da Califórnia à Austrália; mesmo no Brasil dos anos 1970 a 1990 era muito comum sacarmos rolhas de brancos insípidos ostentando o nobre nome borgonhês no rótulo.

Ver artigo completo

Os vinhos de Borgonha
Os vinhos de Borgonha

18 Outubro, 2019

Não há como negar que os vinhos de Borgonha são inesquecíveis. Para alguns apreciadores, podem ser considerados até como melhores do mundo. Há centenas de nomes, de denominações e produtores, e descobrir o que há por trás de cada rótulo feito na região, nem sempre é tão óbvio quanto parece, principalmente para alguém que não está acostumado com vinhos borgonheses.

Ver artigo completo