AS REGIÕES VINÍCOLAS MAIS FAMOSAS DO CHILE

21 janeiro, 2021

AS REGIÕES VINÍCOLAS MAIS FAMOSAS DO CHILE

Créditos: Pexels

Conheça as mais famosas regiões vinícolas do Chile e suas respectivas produções.

Diante de uma variedade de vinhos chilenos, a maioria dos consumidores baseia suas decisões de compra no preço e na variedade da uva. Mas um pouco de aprendizado ajudará muito a direcioná-lo aos melhores vinhos da terra chilena. Saber quais regiões vinícolas do Chile são as melhores para certas variedades ou estilos o ajudará a escolher os vencedores, sempre. Neste artigo, você confere um resumo sobre as regiões vinícolas do Chile e quais são suas respectivas melhores variedades para consumir. Acompanhe.

VALE COLCHAGUA: O Vale de Colchagua fica a cerca de 160 quilômetros ao sul de Santiago e vai do sopé dos Andes até o Oceano Pacífico. Segundo Parra, o terroir de Colchagua é influenciado por um clima quente, fresco e seco. Colchagua é frequentemente comparada ao Napa Valley da Califórnia. Variedades tintas de clima quente prosperam aqui, incluindo Cabernet Sauvignon, Carmenère e Syrah, com um pouco de Malbec, Merlot e Petit Verdot na mistura.

VALE DO MAIPO: O Vale do Maipo é a região mais histórica do Chile, com plantações de uvas que datam da época dos conquistadores espanhóis no século XVI. Mas foi durante o século 19, quando as variedades de uvas de Bordeaux (principalmente Cabernet Sauvignon e Merlot) foram importadas da França para o Chile, que o moderno Vale do Maipo começou a tomar forma. Hoje, Maipo é o lar dos maiores vinhos chilenos de Cabernet, engarrafamentos como Santa Rita's Casa Real, Concha y Toro's Don Melchor, Errazuriz's Viñedo Chadwick e Almaviva estão localizados no Vale do Maipo.

VALE DO MAULE:  A região vinícola de marca mais meridional do Chile e localizada a mais de três horas de carro de Santiago, o Vale do Maule (pronuncia-se MAO-lay) é o maior do país em termos de área plantada. Por ser vasto e relativamente quente para os padrões chilenos, com influências andinas ou oceânicas de moderada a mínima, há uma grande quantidade de Cabernet Sauvignon, Merlot e até Sauvignon Blanc produzidos na região.

VALE DE CASABLANCA: Indo para o oeste, em direção ao Oceano Pacífico de Santiago, os vinhedos no Vale de Casablanca são frequentemente envoltos em névoa, ar salgado e fustigados por brisas frescas. Lá, uvas brancas, principalmente Sauvignon Blanc e Chardonnay, e uvas vermelhas de clima frio, particularmente Pinot Noir e a versátil Syrah, são as atrações principais. Enquanto Maipo, Colchagua e Maule têm séculos de história de vinificação, o Vale de Casablanca viu suas primeiras uvas plantadas na década de 1980, quando Pablo Morandé, também conhecido como “El Pionero” (o pioneiro), decidiu perfurar fundo em busca de água e então com sucesso plantou os primeiros vinhedos de clima frio do Chile.

Quer saber mais sobre os vinhos do Chile? Acesse nosso blog e confira todos os nossos conteúdos exclusivos.

 




Deixe um comentário

Os comentários serão aprovados antes de serem exibidos.


Ver artigo completo

A HISTÓRIA DA UVA GARNACHA
A HISTÓRIA DA UVA GARNACHA

16 julho, 2021

A Garnacha é uma uva de vinho tinto cultivada extensivamente na França, Espanha, Austrália e Estados Unidos. É particularmente versátil tanto na vinha como na adega, o que pode explicar porque é uma das uvas mais utilizadas na produção de blends do mundo inteiro. E para saber mais sobre este sabor inconfundível, fomos atrás de conhecer a história desta que é uma das uvas do velho mundo mais utilizada na produção de excelentes vinhos. Confira a seguir, tudo o que descobrimos sobre a Garnacha.

Ver artigo completo

A HISTÓRIA VINÍCOLA DA ESPANHA
A HISTÓRIA VINÍCOLA DA ESPANHA

15 julho, 2021

A Espanha é uma terra de paisagens deslumbrantes, história rica e uma cultura profunda e complexa na qual o vinho há muito desempenha um papel importante. As videiras são cultivadas na Península Ibérica desde pelo menos 3.000 a.c., embora não tenha sido antes de 1.000 a.c. que a vinificação começou a ser feita no país - uma habilidade trazida por comerciantes fenícios do Mediterrâneo oriental. Hoje, a Espanha é o lar de mais vinhas do que qualquer outro país do planeta e tem uma produção nacional de vinho superada apenas pela França e pela Itália.

Ver artigo completo

DESCOBRINDO A ESPANHA: OS VINHOS DE TORO!
DESCOBRINDO A ESPANHA: OS VINHOS DE TORO!

10 julho, 2021

Toro é uma região vinícola de Castela e Leão, no noroeste da Espanha, e está se tornando cada vez mais conhecida por seus vinhos tintos poderosos e encorpados feitos de Tina da Toro (Tempranillo). Em Toro também são feitas pequenas quantidades de vinho branco. Seu nome vem da cidade de Toro, um antigo assentamento a apenas 65 quilômetros a leste da fronteira portuguesa. Toro está localizado no rio Douro, que corta a metade norte da região e por este pedaço encantador e surpreendente da Espanha que iremos passear hoje. Neste artigo, vamos desvendar todos os segredos de Toro para você e conhecer mais sobre esta região tão famosa por seus vinhos.

Ver artigo completo