O CORTE GSM E A PRODUÇÃO VINÍCOLA NO SUL DA FRANÇA

15 março, 2021

O CORTE GSM E A PRODUÇÃO VINÍCOLA NO SUL DA FRANÇA

Créditos: Pixabay

Conheça os detalhes do corte GSM e entenda sua utilização em vinhos franceses.

Os vinhos de corte Grenache - Syrah - Mourvedre - comumente conhecidos pela sigla GSM - são a especialidade particular de Côtes du Rhône, na França. Grenache e Syrah são essenciais nesta parte do mundo e são complementados, neste caso, pela adição de Mourvèdre: uma inclusão importante, mas um pouco menos famosa, à mistura.

O QUE SIGNIFICA GSM: Se você ainda não sabe, GSM significa Grenache, Syrah e Mourvèdre - três importantes uvas cultivadas na região francesa de Côtes du Rhône. Hoje, esta mistura é produzida em todo o mundo e é amada por seus sabores complexos de frutas vermelhas e muito potencial para envelhecer bem.

COMBINAÇÃO DE ALIMENTOS: A mistura nascida em Rhône – na região sul da França, GSM, é capaz de produzir um vinho versátil, oferecendo uma combinação de alimentos que funciona particularmente bem com pratos com especiarias mediterrâneas, incluindo pimenta vermelha, sálvia, alecrim e azeitonas.

O termo vinhos de Côtes do Rhône: O Blend do Rhône / GSM é um termo coloquial para vinhos tintos com base nas misturas feitas na região francesa de Côtes du Rhône. Existem pelo menos 19 variedades de uvas exclusivas usadas em vinhos nas Côtes du Rhône, mas Grenache, Syrah e Mourvèdre são indiscutivelmente as mais importantes.

Este blend é considerado especial no mercado devido a complexidade criada quando a uva Grenache frutada é misturada com a uva Syrah e Mourvèdre trazendo um toque de pimenta e um belo corpo balanceado com os taninos pesados, porém importantes, da Mourvèdre.

A PRODUÇÃO: A aplicação mais notável da mistura GSM na França é em Châteauneuf-du-Pape. Embora esta denominação permita notoriamente 13 variedades diferentes, muitos produtores fazem vinhos com predominância de Grenache com Syrah e Mourvèdre em proporções menores, com quaisquer outras variedades permitidas constituindo apenas uma fração da mistura. O Côtes du Rhône AOC também tem isso como sua mistura principal (onde as três uvas devem representar pelo menos 60% de qualquer vinho e pelo menos 70% das plantações), assim como várias outras denominações no sul da França, incluindo Vacqueyras, Corbières e La Clape.

Agora que você já conheceu a importância da mistura GSM e como ela influencia as produções vinícolas não apenas no sul da França, mas no mundo inteiro, que tal experimentar o sabor desta combinação? Em nosso site, você encontra uma série especial apenas com rótulos franceses escolhidos a dedo para você. Clique aqui e acesse já! E se você gostou deste artigo, não se esqueça de compartilhá-lo nas suas redes sociais.




Deixe um comentário

Os comentários serão aprovados antes de serem exibidos.


Ver artigo completo

SELEÇÃO SMART BUY WINES: OS MELHORES VINHOS PORTUGUESES
SELEÇÃO SMART BUY WINES: OS MELHORES VINHOS PORTUGUESES

15 setembro, 2021

Alguns dos rótulos mais saborosos da terrinha em uma seleção especial para você no SmartBuy Wine Club da SmartBuyWines!

Ver artigo completo

COMO PORTUGAL ESTÁ MEXENDO COM MUNDO DO VINHO
COMO PORTUGAL ESTÁ MEXENDO COM MUNDO DO VINHO

08 setembro, 2021

A mais famosa região vinícola do mundo? Se você está pensando em Bordeaux, Burgundy ou Napa Valley, pode ser hora de pensar novamente. Ao longo dos anos, os vinhos portugueses tiveram muita importância em todo o planeta. O fato é que, depois de uma brusca queda na fama, os vinhos portugueses estão em ascensão e o país não está para brincadeira.

Ver artigo completo

A PENÍNSULA DE SETUBAL EM PORTUGAL E SUA LIGAÇÃO COM O VINHO
A PENÍNSULA DE SETUBAL EM PORTUGAL E SUA LIGAÇÃO COM O VINHO

07 setembro, 2021

Uma região que se destaca pelos sabores do porto e por lindas paisagens: conheça a Península de Setubal.

A cidade de Setúbal é o terceiro porto do país, depois do Porto e de Lisboa. A parte antiga da cidade tem origens romanas, uma das mais antigas de Portugal, com muitos pontos de interesse para visitar. Setúbal é também parada obrigatória para quem pretende descobrir a reserva natural do estuário do Sado e claro aproveitar um bom vinho.

Ver artigo completo